Documentos:
» Pesquisar
Date Picker
» Heráldica


Parecer emitido em 17 de julho de 2014, pela Comissão de Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses.

Em 28 de setembro de 2014, o Parecer, por proposta desta Junta de Freguesia, foi aprovado em sessão de Assembleia da Freguesia da União de Freguesias de Castro Laboreiro e Lamas de Mouro.

 

Brasão: escudo de vermelho, cão de ouro passante, acompanhado de um crescente de prata com as pontas volvidas para a dextra, encimando ponte de um arco, de prata realçada de negro, firmada nos flancos; bordadura ameiada de prata. Coroa mural de prata de quatro torres. Listel de prata, com a legenda a maiúsculas de negro: "UNIÃO DAS FREGUESIAS DE CASTRO LABOREIRO E LAMAS DE MOURO".

 

Bandeira: esquartelada de vermelho e branco. Cordão e borlas de prata e vermelho. Haste e lança de ouro.

 

Selo: nos termos do artº 18 da Lei 53/91, com a legenda "União das Freguesias de Castro Laboreiro e Lamas de Mouro ".

 


 


 

Brasão: escudo de vermelho, um cão de ouro encimado por coroa mariana de prata; bordadura ameiada de prata. Coroa mural de prata de quatro torres. Listel branco, com a legenda a negro: “CASTRO LABOREIRO”.

 

Bandeira: esquartelada de vermelho e branco. Cordão e borlas de prata e vermelho. Haste e lança de ouro.

 

Selo: nos termos da Lei, com a legenda: “Junta de Freguesia de Castro Laboreiro – Melgaço”.

 

Parecer emitido em 11 de Setembro de 2002, pela Comissão de Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses.

Em 13 de Abril de 2002, o Parecer, por proposta desta Junta de Freguesia, foi aprovado em sessão da Assembleia da Freguesia de Castro Laboreiro.

Publicado no Diário da República de 23 de Maio de 2003.

Registado na DGAL.

Processo  e desenho elaborado por Carlos Alberto Mouteira Fernandes no ano de 2001.





Brasão: escudo de verde, dois crescentes de ouro alinhados em faixa, entre Agnus Dei de prata nimbado de ouro, sustendo uma haste crucífera de ouro, com lábaro de prata carregado de uma cruz firmada de vermelho, em chefe e ponte de um arco de prata, lavrada de negro, movente dos flancos, em campanha. Coroa mural de prata de três torres. Listel branco, com a legenda a negro: “LAMAS DE MOURO”.

 

Bandeira: branca. Cordão e borlas de prata e verde. Haste e lança de ouro.

 

Selo: nos termos da Lei, com a legenda: “Junta de Freguesia de Lamas de Mouro – Melgaço.

 

Parecer emitido em 22 de Agosto de 2002, pela Comissão de Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses.

Em 08 de Setembro de 2002, o Parecer, por proposta desta junta de Freguesia, foi aprovado em sessão da Assembleia da Freguesia de Lamas de Mouro.

Publicado no Diário da República de 19 de Novembro de 2002.

Registado na DGAL.

Processo  e desenho elaborado por Carlos Alberto Mouteira Fernandes no ano de 2000.

Castro Laboreiro candidat...
2017-07-20 15:48:00 A Branda da Aveleira recebe a 30 de julho a Gala das 7 Maravilhas de Portugal® – Aldeias. O Município Mais a Norte de Portugal tem duas aldeias a concurso: Branda da Aveleira e Castro Laboreiro, as únicas candidatas no Norte de Portugal, na categoria de Aldeias Remotas.
Brasão da União das Fre...
2015-03-10 17:09:00 Em 28 de setembro de 2014...
Novos Autarcas...
2014-03-11 15:43:00 Em virtude das recentes eleições e da agregação de freguesias...
Tempo Viana do Castelo